ADN quer demissão do director nacional da PSP, Magina da Silva

O partido ADN enviou hoje uma missiva ao ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, a solicitar uma reunião urgente e nada menos do que a demissão imediata do Director Nacional da PSP, superintendente Magina da Silva.
“Este pedido de demissão é o culminar da actuação do Director Nacional da PSP e do seu reiterado desrespeito à lei e à Constituição da República Portuguesa, e surge, neste momento, após termos tido conhecimento de um email enviado a todos os agentes da PSP, no qual foi determinado por Magina da Silva a proibição da utilização de arma de fogo com projéctil letal, em situações de alteração de ordem pública, bem como a inadmissibilidade do recurso passivo (retirar a arma do coldre) ou a intervenção de agentes que trajem à civil e que o seu não cumprimento seria passível de processo disciplinar”.
“Esta decisão do Director Nacional da PSP é inadmissível e ultrajante”, diz o ADN.