PS queixa-se de ocultação de informação do projecto do teleférico do Curral das Freiras

Os deputados do PS-M denunciaram hoje a ocultação de informação por parte do Governo Regional em relação ao projecto de construção do teleférico do Curral das Freiras.

Numa conferência de imprensa realizada no miradouro da Boca da Corrida, ponto que irá ficar ligado ao Montado do Paredão pelo referido cabo aéreo, o deputado Jacinto Serrão defendeu que haja transparência por parte do Governo Regional em relação a este processo, alertando que a construção do teleférico implica uma intervenção em áreas protegidas, pelo que “carece de estudos de impacto ambiental cautelosos”, bem como de estudos de impacto económico “para saber se um projecto que dizem ser de natureza privada é, realmente, de interesse para a população”.

O parlamentar afirmou, por outro lado, que há quase um ano o Governo Regional anunciou que o projecto iria avançar e que tinha estudos relativamente aos impactos ambientais, económicos e sociais deste investimento, mas acrescentou que, até hoje, não é conhecida nenhuma informação a este respeito.

Salientando que este é um projecto que terá um custo de 31 milhões de euros, Jacinto Serrão apontou o facto de o Governo Regional ter anunciado que se trata de um projecto privado, mas, entretanto, ter sido o próprio Executivo a avançar com os trabalhos para a sua concretização, nomeadamente as expropriações.

“O que se pretende é transparência e informação em torno do processo de construção do teleférico do Curral das Freiras. Essa informação deve ser facultada ao parlamento, aos partidos da oposição e também à população, porque a qualidade da política e da democracia está exatamente na base da transparência dos processos de decisão política”, afirmou o socialista.