Berlim voltar a ter mulher na presidência [vídeo]

¡AF!