PSD promete “incubadora de empresas” em Santana

O candidato social-democrata João Paulo Luís considera que mais do que nunca, é fundamental que os empresários de Santana tenham outra resposta por parte da autarquia, “seja do ponto de vista dos apoios de que precisam, seja ao nível do acompanhamento e da facilitação do acesso aos Fundos Comunitários”. É precisamente isso que se propõe fazer, “criando serviços especificamente vocacionados para o apoio aos empresários e investidores mas, também, reforçando as ajudas e garantindo que Santana tire verdadeiramente partido do seu potencial económico”.

“Aquilo que temos ouvido junto do pequeno comércio, mas, também, das empresas que existem no nosso concelho é que falta investimento, apoio e orientação”, afirma.

“Não podemos ter uma Câmara que apenas reage – quando reage – e que não sabe, também aqui nesta área, preparar o futuro, e é isso que pretendemos contrariar, apostando não só no reforço dos apoios a longo prazo – contrariando os apoios avulsos que apenas adiam os problemas, sem os resolver – e criando novos serviços que promovam o investimento, que ajudem os empresários no acesso a Fundos Comunitários e que, inclusive, valorizem as apostas empresariais em áreas que estão por explorar, nomeadamente na área do turismo e da tecnologia”, avança João Paulo Luís.

Critica, a propósito, o facto de um concelho que é referência internacional do turismo regional não ter uma empresa de animação turística.

João Paulo Luís promete uma “incubadora de Empresas e um programa de apoio específico ao sector empresarial local, com quem iremos trabalhar para garantir a empregabilidade dos nossos jovens”.