Marta Freitas pediu à ministra da Justiça melhorias na RAM

A deputada madeirense à Assembleia da República, Marta Freitas, reivindicou mais atenção e melhoramentos de alguns edifícios judiciais da Madeira, elogiando o trabalho desenvolvido na reestruturação do Tribunal da Ponta do Sol.

Durante a audição que se realizou esta manhã com a ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, Marta Freitas sensibilizou para os melhoramentos necessários no Tribunal de Santa Cruz, espaço que foi recentemente alvo de intervenções nas instalações eléctricas, destacando que “é essencial a transferência da esquadra de Santa Cruz para o seu espaço previsto, pois neste momento ainda partilha o mesmo edifício com o tribunal.”

Concluída esta primeira acção, espera que possa avançar a reestruturação do tribunal, que inclui o alargamento do arquivo e a criação de uma cela, refere uma nota enviada às Redacções.

A deputada elogiou o avanço de vários projectos, dando o exemplo do Tribunal da Ponta de Sol, que teve em Maio a adjudicação da obra em cerca de meio milhão de euros para a empreitada de reabilitação e criação de acessibilidades no Palácio da Justiça naquele concelho.

A deputada madeirense sensibilizou para o reforço necessário de recursos humanos em toda a Comarca da Madeira, em especial de funcionários judiciais, mas também magistrados para o Ministério Público, para que seja alcançada a eficiência desejada da justiça na RAM.