Deputados do PSD-M salientam apoios do GR a empresas e trabalhadores do Porto Santo

Os deputados do grupo parlamentar do PSD salientaram hoje que a majoração dos apoios às empresas e trabalhadores do Porto Santo tem sido fundamental para ultrapassar a crise pandémica, naquela que é uma realidade de dupla insularidade.

No âmbito das Jornadas Locais, os deputados do PSD visitaram várias empresas, de diversos ramos, como a construção civil, contabilidade, comércio e aluguer de veículos, visando constatar no terreno a eficácia dos apoios atribuídos pelo Governo Regional, durante a pandemia.

“É com satisfação que registamos que todas as empresas porto-santenses, com a sua situação regularizada, foram apoiadas”, afirmou o deputado Bernardo Caldeira, destacando algumas das medidas implementadas pelo Governo, como o Apoio à Manutenção dos Postos de Trabalho, que abrangeram um total de 1402 trabalhadores e totalizaram cerca de 1 milhão e 200 mil euros, os Programas de Emprego, que abrangeram cerca 300 pessoas, num total de 1 milhão e 315 mil euros, os apoios do IDE, que contam com 57 operações aprovadas, num total superior a 1 milhão de euros e ainda o apoio atribuído aos trabalhadores independentes e aos sócios gerentes, que abrangeram 178 processos nestas categorias.

“É um facto indesmentível que os apoios atribuídos pelo Governo Regional, aliados à resiliência e organização dos empresários e empresas porto-santenses, fizeram com que estas empresas conseguissem ultrapassar esta crise para agora encararem a situação de retoma com mais otimismo e melhor preparadas para o futuro”, disse, realçando que  “todos estes apoios tiveram origem no Orçamento da Região, uma vez que do Governo da República, nem um cêntimo para ajudar as empresas ou as famílias do Porto Santo”.