Albuquerque diz que medicina privada é “uma opção de mercado”

Miguel Albuquerque disse que tem feito estas visitas à oferta de Saúde no sector privado na Madeira porque este, como já referiu diversas vezes, “é um complemento ao sector público”, e uma “opção de mercado”. Mostrou-se “muito satisfeito” com o investimento do Grupo Luz na Madeira, “e sobretudo com o novo investimento que vai surgir, quer na Rua da Carreira, quer aqui no aumento da Clínica de Santa Catarina”.

O presidente disse que o Governo Regional “tem alguma articulação” com os privados da Saúde, e elogiou os “profissionais de excelência” do Grupo Luz e a “tecnologia de ponta”.

Questionado pelos jornalistas sobre se o GR está a ponderar recorrer aos privados para diminuir as listas de espera na Saúde, Albuquerque desviou a questão e preferiu enfatizar que “muitas vezes é mais barato” recorrer aos privados na Madeira para certos exames, do que “estar a mandar doentes para Lisboa”. A presidente do SESARAM, disse, está a negociar isto para várias situações específicas, como por exemplo Cardiologia, asseverou.