Quando não compensa retirar os cabos dos cabeços!

RUI MAROTE
O ferry “Lobo Marinho” continua a cumprir escrupulosamente as viagens para o Porto Santo.
Nos últimos tempos, o número de passageiros por viagem não compensa a desamarracão.
Compete ao Governo Regional diminuir o número de saídas para a ilha vizinha. Se assim continuar temos mais uma empresa a caminhar para prejuízos que em nada beneficiam a Economia da Madeira.