Morreu António Teixeira, um dos primeiros presidentes do Centro Cultural Português de Londres

O director regional das Comunidades e da Cooperação Externa, Rui Abreu, referiu hoje, em comunicado, que foi “com profundo pesar que tomámos conhecimento do falecimento do nosso conterrâneo emigrado no Reino Unido, António Teixeira, de 84 anos, natural de Machico. Naquele país de acolhimento, como um dos primeiros presidentes do Centro Cultural Português de Londres, promoveu a Madeira, a cultura e as tradições madeirenses, e tornou-se uma referência para toda a Comunidade”.
“Graças à sua tenacidade, empenho e capacidade de trabalho notabilizou-se junto das comunidades britânica e portuguesa, sendo respeitado e conhecido pelo seu empreendedorismo: foi um dos primeiros portugueses empresários em solo londrino, onde apostou em várias áreas de negócio, nomeadamente na restauração e Imobiliaria. António Teixeira foi um verdadeiro ‘embaixador da Madeira’ em Londres”, diz Rui Abreu.
Neste momento de consternação, o Governo Regional da Madeira, através da Direcção Regional das Comunidades e Cooperação Externa, endereça à família enlutada as mais sentidas condolências, finaliza a nota enviada às Redacções.