Bloco de Esquerda apela para começo tardio das aulas

O Bloco de Esquerda/Madeira veio hoje apelar ao Governo Regional para adiar o regresso à escola, de modo a conter a pandemia. “As escolas já estão preparadas para o ensino à distância e podem muito bem adoptar esse canal para as primeiras semanas de Janeiro”, entende o Bloco.

“Não são quadrados desenhados no chão que vão impedir os contágios, nem a culpabilização dos comportamentos individuais. É impossível controlar a socialização nesta época festiva. As primeiras semanas do ano com aulas a partir de casa, irão servir para conter os focos de infecção. Muitos professores e alunos que viajaram, terão de qualquer maneira de permanecer em isolamento a aguardar o segundo teste, poderão desta forma participar nas actividades lectivas. A Universidade da Madeira já sugeriu isto para alguns dos seus alunos”, refere os bloquistas.

Por outro lado, acrescentam que há registo da nova estirpe na Madeira, muito mais contagiosa. Os profissionais de saúde da Região “estão a ficar exaustos, têm de responder à pandemia e aos doentes não Covid. É preciso dar passos firmes para controlar a pandemia e neste momento só o distanciamento é eficaz”, defendem os bloquistas.

O BE Madeira felicita e agradece, por outro lado, o empenho de todos os  que têm ajudado na luta contra a Covid-19 e na minimização da crise económica e saúda a ciência que hoje possibilita o início da vacinação aos nossos profissionais de saúde.