PSP manietou e deteve há pouco um indivíduo na Rua das Hortas

Continuam os problemas causados pelos indivíduos sem ocupação definida que circulam pelo centro do Funchal. Por volta das 15 horas, o Funchal Notícias presenciou uma acção policial que teve como alvo um indivíduo que perambula frequentemente pelas artérias mais centrais, e que se encontrava na Rua das Hortas acompanhado por uma mulher.

O indivíduo em causa mostra frequentemente um comportamento desrespeitoso e agressivo em relação aos demais transeuntes, e neste caso mostrava-se indignado por ter sido abordado pela Polícia de Segurança Pública, cujos agentes pararam o carro-patrulha na Rua das Hortas para se lhe dirigir.

Não lográmos compreender o motivo da abordagem policial, mas foi óbvio que os agentes estavam a dar uma ordem ao dito indivíduo, que este não acatava de bom grado, discutindo, esbravejando e gesticulando na direcção dos dois agentes.

Estes trataram de o dominar de forma profissional e enérgica e, num abrir e fechar de olhos, dominaram-no, levando-o a ficar de joelhos, algemaram-no, meteram-no no carro-patrulha e seguiram rumo à esquadra. Tudo se passou muito, mas mesmo muito, rapidamente.

Fica o registo da acção policial, na sequência da muita discussão que tem havido ultimamente, nos jornais, entre as pessoas em geral e nos partidos e entidades oficiais, sobre a presença constante dos sem-abrigo e de outros indivíduos desocupados em várias artérias do centro, gerando problemas, com discussões, agressões mútuas e até assaltos.