Festival Gastronómico de Caça e Pesca no Porto Santo de 4 de outubro a 1 de novembro

Foto da apresentação do evento port parte da AICTPS.

A Associação de Indústria, Comércio, e Turismo do Porto Santo (AICTPS) apresentou ontem o II Festival Gastronómico -Caça e Pesca.

Segundo um comunicado de imprensa, o Festival decorre durante o mês de Outubro, mais concretamente de 4/10 a 1/11/2020.

As inscrições encerram no dia 24/09/2020 e são formalizadas junto da AICTPS.

O dia de participação de cada estabelecimento no Festival será feita através de sorteio.

O sorteio realizar-se-á no dia 25/09/2020, pelas 16 h, em local a designar.

O Festival rege-se por um regulamento que será disponibilizado, está aberto a todos os estabelecimentos comerciais de comidas e bebidas e tem como objectivos:

  1. a) Fomentar, reconhecer, premiar e difundir a criatividade na confecção de pratos relacionados com a caça e a pesca;
  2. b) Valorizar a gastronomia enquanto veículo diferenciador da oferta turística;
  3. c) Constituir-se como uma iniciativa concreta e com impacto na comunidade portossantense;
  4. d) Contribuir para atenuar a sazonalidade, afirmando-se como mais um evento na oferta a quem nos visita;

Os estabelecimentos aderentes ao evento deverão apresentar um menu alusivo ao tema “Caça e pesca”.

As bebidas oficiais do evento são a Coral puro Malte e a Coral Sidra.

Os estabelecimentos aderentes ao Festival deverão, no dia da sua participação, vender maioritariamente tais os produtos.

O sponsor é a Empresa de Cervejas da Madeira e, por isso, será entregue a cada estabelecimento aderente um pack dos produtos oficiais (Coral puro Malte e Coral Sidra) pelo patrocinador oficial.

Na apresentação do evento, relevou-se o facto de ser mais uma das muitas iniciativas da nova Associação empresarial, que está em linha com a retoma gradual da actividade económica, do sector turístico e da restauração em particular.

O Festival dedicado à Caça e Pesca foi idealizado considerando a importância da gastronomia e da tradição, no Porto Santo, da caça e da pesca e em vésperas da nova época venatória

A ideia do evento é não deixar cair a tradição, pelo menos, na gastronomia, associando-se aos restaurantes locais com uma iniciativa a pensar em menus especialmente preparados com espécies resultantes da caça e da pesca.

A iniciativa pretende ser mais um contributo para ajudar os comerciantes locais a sair da crise provocada pela pandemia e fazer a transição entre a época alta do turismo com a época baixa. Por isso se realiza em outubro.

Na preparação e no decorrer do evento serão respeitadas todas as normas emanadas pela DGS e pelo Autoridade Regional de Saúde em matéria de combate à pandemia Covid-19.