A caminho das Autárquicas de 2021 (Canhas)

Canhas é uma freguesia do concelho da Ponta do Sol, com 13,30 km² de área e 3.769 habitantes, segundo o Censos 2011.

A freguesia vai do mar à serra, desde o sítio dos Anjps ao Paul da Serra.

As actividades económicas mais relevantes são o comércio, o turismo, a agricultura e o sector da construção. A cana-de-açúcar sempre foi uma das suas mais emblemáticas produções.

A grande alternativa na freguesia tem sido a emigração, nomeadamente para a Venezuela, África do Sul e países da Europa Central.

O presidente da Junta, João Norberto Pita cumpre o seu primeiro mandato.

Politicamente falando, a freguesia dos Canhas é das mais PSD da Madeira em matéria de eleições autárquicas.

Desde 1976 que os canheiros deram maiorias absolutas ao PSD, sempre acima dos 50%, à exceção das Autárquicas de 2013 em que Lino Pita ganhou a Junta por 46,5% dos 2007 votantes e as últimas Autarquicas de 2017 que se ficou pelos 44,3%.

Nas Autárquicas de 2013, o CDS recuperou nos Canhas o eleitorado perdido em escrutínios anteriores (foi o 3.º melhor resultado de sempre dos CDS só ultrapassado pelos 35,6% em 1993 e pelos 18,3% em 1982).

O facto do PSD ter conseguido apenas 46,5% em 2013 também se explica pela ascensão do eleitorado do PS.

Os socialistas também conseguiram em 2013 o 3.º melhor resultado de sempre nos Canhas, só ultrapassados pelo 39,4% em 2005 e pelos 26,4% em 1997.

Mas um outro fenómeno também ajuda a explicar a dispersão de votos nas Autárquicas de 2013. Foi o ano em que o independente ‘Movimento pela Ponta do Sol’ entrou na corrida autárquica e, nos Canhas, obteve 8,7% dos votos.

A coligação PS/CDS não vingou em 2001 (30,3%) e até o PSN chegou a concorrer nesta freguesia em 1993.

Novidade foi também a corrida do PTP em 2013 mas apenas conseguiu 30 votos (1,5%).

Nas últimas Autárquicas de 2017, o PSD ganhou de novo a Junta com 44,39% (946 votos) sendo eleito presidente, João Norberto da Silva Pita.

O PS obteve 35,85% (764 votos); o CDS, 14,08% (300 votos); a CDU 1,17% (25 votos); o PTP 0,75% (16 votos); e o MPT 0,70% (15 votos).