Governo Regional com medidas específicas para apoiar o Porto Santo

O presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque anunciou hoje que o Porto Santo vai ser alvo de uma atenção especial nas medidas de apoio às empresas e às famílias no pós-pandemia.

Instado pelo Funchal Notícias, Albuquerque disse que o Porto Santo irá beneficiar de uma linha de apoio ao cidadão, que está a ser articulada com a Secretaria Regional da Inclusão Social e Cidadania, Augusta Aguiar (em sede da linha de emergência social de 5 milhões para toda a Região).

Irá também beneficiar de medidas na área da Economia, a anunciar pelo secrtário regional, uma vez que a ilha é duplamente afectada face às medidads de mitigação do novo coronavírus.

O governante assegurou que todas as empresas do Porto Santo, tal como as da Maderia, irão beneficiar da “linha Covid-19” (100 milhões de euros, crédito convertível a fundo perdido ao fim de 18 meses).

Relativamente aos trabalhadores independentes portossantenses, os chamados “recibos verdes”, terão uma dupla beneficiação [Indexante dos Apoios Sociais (IAS) atribuído pela Segurança Social +444€ do Instituto de Emprego da Madeira].