Missa do parto no “Liceu” com um forte apelo do sacerdote à importância da família

Pelas 08h00 da manhã de hoje, o toque de entrada já não foi para o início de mais um dia de aulas. A chamada foi de outra natureza, desta feita para a missa do parto na Escola Secundária Jaime Moniz, na presença de toda a comunidade escolar.

 

Na sua homilia, o jovem sacerdote, Jorge Magalhães, inspirado na Palavra evangélica que trazia à reflexão coletiva a genealogia de Jesus, fez um apelo à importância da família e da valorização dos pequenos atos. A família que não se circunscreve ao grupo restrito de casa mas à família escolar e comunitária. “Quantos heróis trabalham diariamente para cada um de nós e não nos apercebemos ou sequer valorizamos? Até o simples ato de lavar a nossa roupa, alguém o faz diariamente. Estamos, pois, ladeados de heróis que cooperam connosco e dão sentido à família cristã”.

A presidente do conselho executivo, Ana Isabel Freitas, agradeceu a presença de todos e enfatizou a importância de olharmos a escola como uma família, aliás na esteira da homilia. Também o secretário regional da Educação, da Ciência e da Tecnologia também desejou as boas festas aos presentes e enalteceu o papel da comunidade escolar.

Após a missa, seguiu-se o tradicional convívio na cantina da ESJM, com a cooperação da comunidade educativa. Depois, forte animação com as tradicionais canções de Natal, fazendo votos para que o Menino Jesus renasça nos corações de todos.

 

A celebração foi animada por um grupo ativo, “Missas do Parto”, em que alguns dos seus elementos participam num projeto solidário de acompanhar os idosos e bater porta a porta numa missão de acompanhar os mais carenciados.