Alunos de Machico e do Caniço ganham viagens no Campeonato Nacional “Multipli”

A 2.ª edição do Campeonato Nacional Multipli decorreu no passado dia 14 de Junho, pelas 14 h, no Instituto Politécnico de Leiria. Durante aproximadamente 2 horas e 30 minutos, 125 alunos do 3.º ao 6.º ano de escolaridade, representando as 75 escolas de todo o país (Portugal Continental e Regiões Autónomas), mostraram que a tabuada não é um “bicho papão”.

O Campeonato Nacional Multipli é promovido anualmente, desde 2018, pelo Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria), em parceria com a Alfiii, com o apoio da Associação de Professores de Matemática (APM) e da Sociedade Portuguesa de Matemática (SPM). Pretende potenciar o desenvolvimento do pensamento lógico e dos conhecimentos relativos à tabuada, fomentar o interesse dos alunos pela Matemática e estimular a componente lúdica ao longo do processo de ensino-aprendizagem.

A RAM foi representada pelas duas escolas apuradas na Semifinal Regional que decorreu no dia 31 de Maio, sendo ao nível do 1.° Ciclo a EB1/PE e Creche Eng. Luís Santos Costa, com os alunos Luís Gouveia (3.° ano) e Afonso Vieira (4.° ano) e ao nível do 2.° Ciclo, a EB23 do Caniço com as alunas Laura Marote (5.° ano) e Lara Rodrigues (6.° ano).

Os alunos Luís Gouveia, o Afonso Vieira e Lara Rodrigues consagraram-se campeões nacionais Multipli nos 3.°, 4.° e 6.° anos respetivamente, ganhando uma viagem, com a família, à Eurodisney. A aluna Laura Marote, também com uma excelente prestação, arrecadou o 2.°lugar, ganhando um computador portátil. As escolas vencedoras também receberam um kit do Jogo Multipli. Todos os prémios foram patrocinados pelo grupo Crédito Agrícola.

“Foi muito gratificante assistir ao enorme entusiasmo revelado pelos alunos, professores e familiares. Todos os jogadores receberam, igualmente, prémios de participação, também com o apoio do grupo Crédito Agrícola. Um especial agradecimento à Comissão Organizadora do Campeonato Nacional Multipli, pelo acolhimento personalizado, pela atenção e preocupação a cada detalhe desde a deslocação, viagens, transferes, alojamento, alimentação e visitas a museus”, refere um comunicado da Secretaria Regional da Educação. “São estas iniciativas que nos movem e nos fazem querer ir mais longe, acreditamos profundamente neste projecto que desde o primeiro instante nos cativou e contagiou. Estão todos de parabéns”.