Governo viabiliza 222 camas para hotel do investidor Anacleto Teixeira na baixa do Funchal

O Conselho do Governo reunido em plenário em 6 de dezembro de 2018, resolveu viabilizar a capacidade máxima de 222 camas para o empreendimento turístico a levar a efeito à Rua das Murças, Rua da Alfândega e Rua Dr. António José de Almeida, pela EMERALDTOWN -Empreendimentos Imobiliários, Lda., empresa do emigrante madeirense na Venezuela, Anacleto Teixeira.

O empresário Anacleto Teixeira.

A unidade hoteleira ao prever 222 camas, ultrapassa o limite de 160 camas para empreendimentos turísticos a levar a efeito em espaços urbanos, previsto no Programa de Ordenamento Turístico da Região Autónoma da Madeira (POT) mas o Executivo region al resolveu lançar mão da prerrogativa que permite majorar, excecionalmente, esse limite até 60 %, “quando se trate de empreendimentos turísticos que, pelas suas características funcionais, ofer-ta complementar de equipamentos, disponibilização de espaços verdes envolventes e integração no local, consti-tuam empreendimentos que qualifiquem, diversifiquem a oferta turística regional”.

Recorde-se que o investimento da empresa liderada por Anacleto Teixeira prevê investir neste negócio cerca de 20 milhões de euros.