JPP lamenta novo adiamento do Governo para ajudar agricultores nos prejuízos dos temporais

jpp

O partido Juntos pelo Povo (JPP) lamenta que “mais uma vez, se verifique o adiar do compromisso do Governo Regional, nomeadamente da Secretaria Regional da Agricultura e Pescas, na atribuição da prometida ajuda aos agricultores, pelos prejuízos decorrentes das intempéries que assolaram a Região, entre 25 de fevereiro e 05 de março de 2018”.

E aponta a cronologia para fundamentar esta posição pública:

– Fevereiro /março de 2018: intempéries devastam as produções.

– Março: Secretaria Regional de Agricultura compromete-se, até maio de 2018, a atribuir um apoio a todos os agricultores atingidos até 80% a fundo perdido, num valor total que ronda os 1,5 milhões de euros.

– Julho: Nova garantia de que os prejuízos causados pelo temporal de fevereiro seriam pagos durante o mês de agosto

– Outubro: ajudas aos agricultores serão entregues “em breve”

Diz o JPP que “estamos perante um conjunto de afirmações da Secretaria Regional da Agricultura e Pescas que, no mínimo, demonstram a incoerência, a  falta de palavra e o total desrespeito por estes agricultores que aguardam, com prejuízos diários, por estes apoios. O JPP considera que neste eterno adiar da palavra dada, num balanço de promessas difíceis de cumprir, tudo leva a crer que a incapacidade de resolução dos problemas do setor se manterão, com prejuízos incalculáveis para os agricultores, que retiram desta atividade a sua forma de subsistência. Até quando?”.