82 professores e investigadores de 16 países debatem “Viagem e Cosmopolitismo”

De acordo com uma informação veiculada pela Universidade da Madeira, o Colóquio Internacional “Viagem e Cosmopolitismo: da Ilha ao Mundo” principia esta quinta-feira, dia 25, na Reitoria da Universidade da Madeira, no Colégio dos Jesuítas. A abertura acontece logo às 9 horas.

Ao longo de dois dias, 82 professores e investigadores, oriundos de instituições de ensino e de investigação de dezasseis países (Brasil, Suécia, França, Espanha, Itália, México, Estados Unidos, Canada, Inglaterra, Bélgica, entre outros) debaterão os temas da Viagem e do Cosmopolitismo em diversas perspectivas: a herança cultural, a globalização da cultura, a pertença identitária, o exílio, a mobilidade, a utopia, o efeito de (re)escritas de literaturas e de outras artes, refere a UMa.

O evento foi validado pela Direcção Regional de Educação para professores dos ensinos básico e secundário, com 20 horas de formação. O acesso às diversas sessões é livre e confere certificado de participação.

Este encontro científico resulta de uma parceria entre a Universidade da Madeira e a Universidade de Lisboa (Centro de Estudos Comparatistas – Projecto de Investigação “Viagem e Utopia”), em parceria com vários Centros de Investigação financiados pela FCT e algumas instituições académicas e científicas. A este evento estão também associadas as Universidades do Porto, Coimbra, Évora, Aveiro e do Minho, bem como a Associação Portuguesa de Estudos Franceses, a Associação Portuguesa de Literatura Comparada, a Rede Europeia “Europa Renascens”, a Sociedad Española de Estudios Latinos e o Instituto de Estudios Humanisticos de Alcañiz. Além da Secretaria Regional de Turismo e Cultura e da Câmara Municipal do Funchal, o Colóquio Internacional contou também, para a sua concretização, com o apoio de várias empresas regionais.