Ponta do Sol anula concursos de Rui Marques, vereadores do PSD com sentido de voto diferente

praia da ponta do sol
Gestão atual da Câmara da Ponta do Sol viu aprovada a proposta para anular os concursos aprovados por Rui Marques.

A proposta era de certa forma complexa para os vereadores do PSD na Câmara da Ponta do Sol. Célia Pessegueiro, presidente da Autarquia, eleita pelo PS, levava à reunião a anulação de dois concursos aprovados em reuniões de Câmara, de gestão de Rui Marques, em 2017, um dos quais a pouco menos de dois meses das eleições autárquicas. O objetivo era abrir 14 postos de trabalho, como o FN fez referência esta manhã. A atual gestão autárquica considerou que as prioridades seriam outras para corresponder às necessidades do momento.

A proposta de cessação desses concursos foi hoje aprovada com os votos favoráveis do PS, partido proponente, no que foi seguido pelo voto também favorável da vereadora do CDS/PP Sara Madalena.

Entre os representantes do PSD, dois eleitos, há a registar a curiosidade de terem assumido diferentes sentidos de voto: António Vale (substituíu Filipa Faria, que faltou) absteve-se enquanto Lino Pita votou contra a proposta de Célia Pessegueiro.

Recorde-se que as propostas de Rui Marques, agora desfeitas, visavam a contratação de 14 empregos, sendo 7 na categoria e carreira de assistente operacional, 4 na categoria e carreira de técnico superior, 2 na carreira de assistente técnico e um na categoria e carreira de fiscal municipal