Márcia Freitas e Sónia Duarte criam projeto “Chá com elas – Oficinas Criativas”

Márcia Freitas e Sónia Duarte criaram um projeto que dá pelo nome de “Chá com elas – Oficinas Criativas”.

Ambas são amigas de infância e partilham o gosto pelas artes. Após formações e workshops, numa tarde de outono, entre o chá e a conversa, surgiu a ideia de criarem o “Chá com elas – Oficinas Criativas”.

A apresentação do projeto na RTP/M.

Segundo referiu Márcia Freitas e Sónia Duarte ao FN, “na génese do nosso projeto está o querer ajudar as pessoas numa jornada de criatividade e de proporcionar-lhes uma vida mais leve e colorida”.

Márcia Freitas iniciou a sua primeira formação nas artes em 2003. Apaixonada por pincéis e lápis de cor, sempre encarou a arte como um passatempo. Mas queria melhorar os conhecimentos neste domínio e, em 2004, o passatempo deu lugar a um projeto ligado às artes e aí começaram os ateliers, workshops e formações.

Sónia Duarte reencontrou a Márcia Freitas já como formadora de arte no tecido, em 2010. Sucederam-se as formações e decidiram executar um projecto em comum. “A juntar às artes, outro gosto em comum eram as terapias holísticas, a imensa leitura sobre o tema, a iniciação de Reiki e depois o curso de facilitadoras de meditação infantil e para adultos. Mais tarde a arteterapia, em 2015, pelo IPH, que fez com que este nosso projeto ganhasse outra forma. Queríamos aliar as terapias holísticas à arte com o objetivo de ativar e potencializar a criatividade.”

Potenciar a criatividade

Segundo as dinamizadoras do projeto, o objetivo primordial é levar à expressão do outro: “A nossa filosofia é, sem dúvida, criar uma atmosfera de oficina criativa e não de escola. Todos nós somos criativos. Todos nascemos criativos, o mundo é que limita a nossa criatividade e com o passar dos anos ela acaba por ficar adormecida.  A criatividade não é um talento é uma habilidade. Como toda a habilidade ela tem de ser praticada para ser aprimorada. Assim, é claramente objetivo nas nossas oficinas  ativar e potencializar a criatividade”.

As Oficinas têm uma abordagem que permite aos participantes se afirmarem. “É assim que iniciamos as nossas oficinas, relaxamos, ao som de uma música calma durante uns minutos, com o intuito de acalmar o corpo e a mente. Está comprovado cientificamente que a prática da meditação traz inúmeros benefícios.  A nível mental, a meditação potencia o aumento da criatividade, diminui a ansiedade, aumenta a alegria e ajuda a desenvolver a intuição”. Assim, acrescentam, “a oficina criativa é uma oportunidade para a pessoa inspirar-se, desligar-se da rotina (o que as pessoas mais me transmitem é que não têm tempo para elas mesmas), expressar sentimentos, experimentar algo de novo, trocar experiências e criar algo único (com o seu toque pessoal)”.

As oficinas criativas são para pessoas- de todas as idades, “dispostas a desafiar-se e a otimizar o seu tempo”.

As Oficinas Criativas apostam também na arte no tecido, na arte na pedra, na arte no vidro, na arte da feltragem, moldagem no barro/porcelana fria/gesso, reciclagem e reutilização de materiais”.

Márcia Freitas salienta ainda que o objetivo é “sempre cultivar o autoconhecimento e a diversão em cada encontro no Chá com Elas, fazendo com que cada pessoa, como ser único, seja capaz de expressar a sua criatividade “.