Câmara do Funchal contrata 27 técnicos superiores e investe quase 2 milhões em Recursos Humanos

Reunião Câmara 08-03-2018
A Câmara do Funchal vai gastar este ano quase dois milhões em Recursos Humanos.

A Câmara Municipal do Funchal autorizou hoje, em reunião de camarária, a abertura de concursos para o seu quadro de pessoal, para efeitos de contratação, a título efetivo, de 27 técnicos superiores, divididos por 7 áreas diferentes. Serão 6 engenheiros civis, 5 geógrafos, 2 técnicos de Proteção Civil, 3 psicólogos, 4 arquitetos, 5 técnicos de Educação Física e Desporto e 2 engenheiros florestais. A estes concursos poderão concorrer todos os interessados, tenham ou não vínculo à Função Pública, comprometendo-se a autarquia a informar atempadamente o início de cada um deles. Entre novas contratações, descongelamento de carreiras e mobilidades, a Autarquia vai investir quase dois milhões de euros este ano em Recursos Humanos.

Paulo Cafôfo enalteceu que “depois de tantos anos de duríssimas restrições orçamentais, que mantinham as contratações paradas desde 2011, a Câmara Municipal do Funchal volta finalmente a ter condições para suprir as suas necessidades de quadro, que também se agravaram ao longo deste tempo, com o envelhecimento de colaboradores e com as aposentações que tiveram lugar. Esta é uma barreira cuja ultrapassagem nos deixa muito satisfeitos e é, sobretudo, um sinal encorajador e de confiança para a cidade e para o futuro. Há muita gente à procura de trabalho e nós precisamos desse trabalho qualificado, de forma a podermos otimizar a capacidade de resposta dos nossos serviços e responder aos desafios que se colocam hoje em dia à ação da Autarquia, e que são substancialmente diferentes daqueles que eram os desafios de há 10 anos atrás.

Presidente sublinhou, ainda, que “a Câmara do Funchal vai contratar trabalhadores em várias áreas, mas também já avançou para o descongelamento generalizado de carreiras, que vai permitir a progressão de cerca de 600 colaboradores, ao que se soma a mobilidade intercarreiras e intercategorias, que vão beneficiar cerca de 75 colaboradores.”

Além das 27 vagas que serão agora abertas para o posto de técnicos superiores, “a CMF tem em curso, desde o último trimestre do ano passado, vários outros concursos em diferentes estados de evolução, que abarcam mais de uma centena de novos colaboradores, entre pessoal operacional e mais especializado.” Já contratados foram 31 novos bombeiros, sendo que as candidaturas já encerraram para o caso de 24 cantoneiros, 4 técnicos superiores para o Departamento Financeiro, 8 juristas e 2 técnicos superiores para os Recursos Humanos. Já autorizada, e a aguardar igualmente abertura, está a contratação de 24 jardineiros, 12 motoristas de transportes públicos e de um técnico superior de Veterinária.

O Presidente conclui que está à vista “um ano extremamente trabalhoso para os nossos Recursos Humanos, mas que será a concretização de toda uma estratégia longa de valorização dos colaboradores da Câmara Municipal do Funchal, quer ao nível das suas condições de carreira, como das suas condições de trabalho.” A abertura de concursos, bem como as diversas fases, podem ser acompanhadas a qualquer momento na página oficial da Câmara Municipal do Funchal, em http://www.cm-funchal.pt/pt/recursos-humanos/procedimentos-concursais-a-decorrer/procedimentos-concursais-para-recrutamento-de-trabalhadores.html