Gonçalo Nuno Malheiro Araújo, um dos construtores da Autonomia

Fotos Rui Marote.

O eng.º Gonçalo Nuno Malheiro Araújo está hoje retirado da vida ativa mas é uma figura de referência na construção da autonomia e do desenvolvimento urbanístico do Funchal. Hoje, a objetiva de Rui Marote surpreendeu-o a passear pelo Funchal, na companhia da sua mulher, Maria do Carmo Dória Monteiro de Araújo, professora aposentada.

Homem de princípios humanos firmes e defensor de uma expansão ordenada da cidade, no respeito pelo ambiente, o eng.º Gonçalo Araújo foi, em 1976,  Secretário Regional do Equipamento Social, Transportes e Comunicações do  I Governo Regional da Região Autónoma da Madeira, presidido por Ornelas Camacho. Foi depois diretor regional do Equipamento Social e esteve largos anos à frente do Instituto de Habitação, responsável pela conceção do Bairro da Nazaré, entre outros projetos de vulto para a Madeira. Afirmou-se sempre como um homem de causas, dedicado e abnegado, em nome de um desenvolvimento sustentável da Região.