José Minas comanda Corpo de Bombeiros Sapadores do Funchal

CMF 11-01
A reunião de hoje, no Funchal, abordou a Habitação e a Cultura.

O presidente da Câmara Municipal do Funchal assumiu, hoje, na reunião de Câmara, que o Funchal “tem problemas estruturais de habitação”, apontando os vários programas que a autarquia dispõe para o efeito e fazendo referência ao facto de ter havido, no Ministério do Ambiente, uma reunião que visou precisamente abordar a temática e os apoios que o Estado possa canalizar no âmbito de um programa de âmbito nacional.

Paulo Cafôfo referiu, ainda, que a política de acesso da Cultura a todos, permite a execução de obras, e diversos espaços do Funchal, no Teatro, no Museu do Açúcar e no Museu Henrique e Francisco Franco, em matérias de acessibilidades a pessoas com mobilidade reduzida, no âmbito de um apoio de 280 mil euros de um programa cofinanciado pelo Turismo de Portugal.

Nesta reunião, foi aprovado, por unanimidade, um voto de louvor ao chefe José João de Freitas, comandante interino do Corpo de Bombeiros Sapadores do Funchal, que desempenhou funções nos últimos três anos, até à nomeação do Chefe José Minas, em regime de substituição, até que se conclua o concurso para o comando, uma vez que há uma alteração resultante da passagem a sapadores.