Arlindo Abreu inaugurou exposição no Espaço Infoart da SRTC

A directora regional de Cultura, Teresa Brazão esteve esta tarde presente na inauguração da exposição “Odes” no espaço Infoart da Secretaria Regional do Turismo e Cultura. A mostra assenta numa proposta plástica de representação visual do universo musical, da autoria do artista e professor de Educação Musical Arlindo Abreu.

O artista, refere uma nota de imprensa, explora individualmente os seus processos e técnicas de corte sobre livros antigos de música, numa construção e aglomerado arquitectónico 3D. Os trabalhos reflectem uma desconstrução e reconstrução dos elementos essenciais das obras musicais, numa tentativa de descodificação da linguagem musical.

“Odes” está dividida em 3 partes, cada uma constituída por conjuntos de 5 a 15 obras/livros: Estrofe, Gradus ad Parnassum: Punctos contra puntum (conjunto de seis obras elaboradas com seis livros, numa clara referência aos tratados musicais); Threnody for the Victims: Books I – XVI (dezasseis trabalhos feitos com base em dezasseis portadas de livros antigos, em formato de livro 3D de partituras para músicos); antístrofe, Suite Belle Dance (aglomerado de livros cortados em rectângulos e quadrados num conjunto de 5 obras, ironizando a suite barroca com a introdução de danças de carácter mais erótico) e epodo, Morte e Criação (integrando as composições de livros de rigor geométrico e as obras musicais dos grandes compositores). A formação musical do artista encontra-se reflectida nas propostas apresentadas, podendo as mesmas serem previamente visualizadas através da sua página pessoal http://asarte.pt/.”

Arlindo Abreu, natural de Câmara de Lobos, é licenciado em Ciências Musicais pela Universidade Nova de Lisboa, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas e Curso Pós – Graduação em Música e Teoria na Universidade de Salamanca. Encontra-se representado em colecções particulares, Casa Beethoven e, Barcelona e Galleria Maria Consadori em Milão.