Funchal assinala Dia Mundial com estratégia deste mandato em matéria de Igualdade

cartaz
Cartaz alusivo à iniciativa da CMF.

A Câmara Municipal do Funchal assinala, amanhã, dia 24 de outubro, a 3ª edição do Dia Municipal da Igualdade de Género, uma data simbólica introduzida pelo atual Executivo em 2015, como consequência da definição de uma Estratégia Municipal para a Igualdade. O Funchal volta, assim, a ser o único Município da Região a assinalar este ano um Dia da Igualdade, dinamizando, igualmente, atividades para o público escolar durante toda a semana.

Segundo uma nota informativa divulgada pelo Executivo liderado por Paulo Cafôfo, “as questões relativas à Igualdade de Género continuam a ser um tema premente e central para a Madeira e para o país, e é por isso que, ao longo do primeiro mandato, o Funchal desenvolveu um Plano para o efeito, bem como criou um Conselho Municipal, um Dia Municipal da Igualdade e, ainda, o Prémio Municipal Maria Aurora, marcos que têm dado corpo às políticas seguidas nos últimos anos e que são encarados pela Autarquia, e pelos seus diferentes parceiros, como um trabalho sintomático, cujos resultados têm moldado a face do concelho, num caminho que deve ser desígnio dos homens e das mulheres de toda a comunidade”.

A Câmara Municipal do Funchal reconhece, porém, que “ainda existe muito trabalho a fazer e é nesse sentido que se começará a trabalhar já amanhã a estratégia para os próximos quatro anos, reunindo poder público, rede de parceiros e comunidade em geral, com diversas palestras, que vão envolver a Vereação, o Departamento Regional das Mulheres Socialistas e a UMAR e, ainda, com a inauguração de uma exposição temática, dinamizada pela Associação OLHO.te e pela CMF”.

O programa terá lugar no Salão Nobre dos Paços do Concelho e será o seguinte:

17h00 – Caminhando para a Igualdade, uma aposta da Câmara Municipal do Funchal – Madalena Nunes, Vereadora da CMF

17h10 – Mulheres na política – Departamento Regional das Mulheres Socialistas

17h20 – Somos diferentes com os mesmos direitos – UMAR

17h30 – Mandala da Igualdade – um projeto em construção – Olho-te/CMF

17h45 – Visita à exposição e convívio