Carlos Pereira considera “inadmissíveis” os preços da TAP para Lisboa e “insuportável” o que se passa com a mobilidade aérea

O líder regional do PS, Carlos Pereira considera “insuportável o que se passa com a mobilidade aérea”.

Para Carlos Pereira é “inadmissível os valores praticados nas viagens para Lisboa”.

O deputado na Assembleia da República escreveu hoje no seu mural do facebook ser “incompreensível continuar a aguardar a marcação de uma reunião com o administrador da TAP”.

Segundo Carlos Pereira, entretanto é preciso garantir que o Governo da República não reduz valores de plafond.

“Como sabem, o PSD- M negociou 11 milhões e a Madeira gastou 23 milhões em 2016. O desafio é impedir reduções desse valor que ponham em causa os reembolsos”, instou.

Entretanto, diz, com o Governo regional num “pântano”, há que pensar o que fazer para evitar que esse dinheiro financie companhias aéreas mas que ajude os madeirenses.