Centro de Química da Madeira integra Centro de Investigação Internacional na área dos Polímeros

Foto DR

O Centro de Química da Madeira é, desde o passado mês de agosto, membro fundador e a única instituição de expressão portuguesa representada no “Centro Internacional de Inovação e Aplicação de Dendrímeros e Polímeros Híper-ramificados”.

Segundo uma nota hoje divulgada, por ocasião do 10.º Simpósio Internacional de Dendrímeros, que decorreu entre 05 e 09 de agosto, em Weihai, na Província de Shandong, na China, reuniram-se, em assembleia geral, especialistas de todo o mundo para a criação de um Centro de investigação internacional, com o objetivo de fomentar a pesquisa transnacional, desenvolvimento e aplicação industrial de polímeros híperramificados e de dendrímeros.

Este novo Centro, criado no âmbito do projeto “One belt, one road”, conta com grupos de
investigação e empresas de âmbito mundial e pretende incentivar uma maior cooperação técnica internacional para o desenvolvimento de novas utilizações industriais destes materiais e para o aprofundamento da sua aplicação em áreas de elevado interesse económico, tais como a nanomedicina, fabricação de plásticos e borrachas, revestimentos e tintas, tratamento de águas, materiais fotoelétricos e energia.