Vereador Jorge Baptista responde ao executivo do JPP na Câmara de Santa Cruz

António Jorge Gomes Baptista, vereador social-democrata à Câmara Municipal de Santa Cruz, reagiu às declarações do executivo da mesma, da responsabilidade do JPP: “Após ter tomado conhecimento, da publicação online no DN, por parte da Câmara Municipal de Santa Cruz, respeitante ao pedido formulado pelo PSD, e porque, o que quer fazer transparecer para a opinião pública o JPP, são questões que visam tão só, confundir a opinião pública, quero apenas como interessado, e como responsável pelos documentos que solicitei, informar, mais uma vez, e para que não restem quaisquer dúvidas, que o que pedi foram cópias dos ofícios da PJ, e, Tribunal de Contas”, asseverou em comunicado enviado às Redacções.

“Parece quererem confundir, o que está realmente em causa, no pedido e respectiva queixa à CADA, mas que nos comentários que a Câmara teceu, acabou por não negar que foram realmente solicitados por essas entidades. É caso para dizer, mais vale tarde que nunca. Para concluir, anteriormente, quando este partido era movimento, era um direito inalienável o acesso a estes, e outros documentos. Hoje a arrogância  de apenas 4 anos no poder, alterou por completo esses direitos, e pelos vistos já não é assim”, conclui António Jorge Baptista.