Câmara de Santa Cruz responde ao PS e acusa o partido de “show off”

O gabinete de apoio à presidência da Câmara Municipal de Santa Cruz reagiu hoje ao PS mostrando-se surpreendida com um comunicado do candidato deste partido, Cláudio Torres. “Esta surpresa surge porque o comunicado é lavrado no mesmo dia em que o pedido do Sr. Torres deu entrada nesta autarquia”, refere a edilidade.

“Felizmente, a vida autárquica não tem o mesmo ritmo do ‘show-off’ político do Sr. Torres, nem as suas prioridades e objectivos”, comenta-se na nota enviada à imprensa.

“De qualquer forma, e ao contrário do que afirma o Sr. Torres, a gestão desta autarquia sempre se pautou pela transparência das suas contas, tendo os relatórios financeiros e do PAEL sido constantemente levados às reuniões de Câmara e às reuniões da Assembleia Municipal. Portanto, o sr. Torres deve escolher um alvo real para as suas insinuações. Deve, ainda, evitar, a todo o custo, as contradições. Pois se por um lado parece duvidar das nossas conquistas ao nível financeiro, por outro promete investimentos para Santa Cruz. Ou acredita que há dinheiro, ou então está a enganar a população”, refere a Câmara.

A nota diz ainda: “Conclui-se que o PS tem apenas para apresentar ao povo de Santa Cruz um rol de desconfianças, quando as nossas contas são auditadas e validadas por entidades externas e nunca pelo Presidente de Câmara. A não ser que o Sr. Torres duvida dos organismos do Governo da República”.

“De resto, a informação que está a ser solicitada pelo Sr. Torres é pública e está disponível no site da Câmara Municipal de Santa Cruz. Em termos de transparência, pensamos que está tudo dito”, termina a CMSC.