Obras na sede dos Carreiros começam depois da Festa do Monte

carreiros
Paulo Cafôfo garante que as obras da sede dos Carreiros do Monte começam logo depois da Festa do Monte, ou seja a partir de quarta feira.

As obras da nova sede da Associação dos Carreiros do Monte, que se vai situar no edifício onde funcionam atualmente as casas-de-banho públicas da freguesia, logo junto ao local onde começam as descidas de carros de cesto, começam na próxima semana, assim que terminem as Festas de Nossa Senhora do Monte, que como se sabe têm amanhã, segunda-feira, o ponto forte da noite do Monte, uma noite de romarias.

Uma nota da Câmara Municipal do Funchal diz que os trabalhos já podiam ter começado no início deste mês, mas a autarquia afirma ter adotado “uma postura zelosa e quis assegurar que as casas de banho públicas atualmente existentes estariam disponíveis para os largos milhares de visitantes que, até dia 15 de agosto, se vão deslocar a este que é o maior arraial do concelho”. As obras terão um prazo de execução de 60 dias e o contrato de comodato com a Associação dos Carreiros do Monte será assinado nesse período de tempo.

Diz a mesma nota que “além da cedência do espaço, que é camarário, a CMF comprometeu-se, assim, a reabilitar a infraestrutura: as instalações sanitárias abertas à população serão adaptadas de modo a manterem-se no primeiro piso, ao passo que o segundo andar sofrerá, então, mudanças mais significativas, passando a estar inteiramente ao serviço dos Carreiros. A falta de infraestruturas de apoio a estes profissionais, nomeadamente um sítio em que pudessem tomar banho, fazer as suas refeições e descansar entre turnos, era uma carência muito antiga e que os Carreiros tinham manifestado por diversas vezes ao longo dos anos, mas até hoje ninguém tinha conseguido viabilizar qualquer solução”.

A grande novidade das novas instalações, diz a autarquia, “serão os balneários, com a instalação de unidades de chuveiros, para que os profissionais tenham a faculdade básica de poderem tomar banho, após a exigente atividade física que levam a cabo. Haverá, igualmente, lugar a uma sala de convívio com área de descanso e copa, onde estes poderão fazer as suas refeições e aguardar pelos seus respetivos turnos de trabalho. Saliente-se, contudo, que o centro da freguesia não ficará desprovido de casas-de-banho públicas, uma vez que o primeiro andar do edifício em questão continuará aberto e será otimizado nesse sentido. O segundo piso será, neste caso, totalmente independente, tendo, inclusive, uma entrada própria”.

O Presidente da Câmara Municipal do Funchal, Paulo Cafôfo, lembra que “no âmbito dos Encontros com as Pessoas, as Presidências Abertas da Câmara Municipal do Funchal, reunimo-nos com os Carreiros quando a iniciativa decorreu na freguesia do Monte, e fomos sérios no sentido de que pretendíamos resolver esta questão, que eles consideravam ser a maior de todas as suas necessidades.