Freguesias à lupa: Estreito da Calheta é um ‘mãos largas’ para o PSD

Não chegam a mil os habituais votantes da freguesia do Estreito da Calheta.

No concelho e na Região é uma das freguesias mais fiéis ao PSD.

Aqui o PSD nunca obteve resultados eleitorais inferiores a 60%.
O mais ‘magro’ (???) resultado para o PSD foi nas Autárquicas de 2001 (61,2%). Nessa altura enfrentou uma coligação entre CDS e PS que conseguiu uma fatia de 35.6% do eleitorado.

O resultado mais expressivo conseguido pelo PSD foi em 1985 (81,2%).

A esquerda tem dificuldade em afirmar-se.

O melhor resultado alguma vez alcançado pelo PS foi nas Autárquicas de 2009 (17%). E mesmo coligado com o CDS, o que aconteceu por duas vezes, em 2001 e 2005, os dois juntos não lograram tirar o poder da Junta ao PSD.

A implantação do PS no Estreito da Calheta é tão baixa que nem concorreu à Assembleia de Freguesia nas últimas Autárquicas de 2013. O mesmo sucedeu em 1997, 1982, 1979 e 1976.

Do lado do CDS, o melhor resultado foi alcançado em 1997 (27,8%) e o pior em 1985 (10,1%).