PTP critica obras na Estrada Monumental na época balnear

 

A deputada e dirigente do PTP/Madeira, Raquel Coelho, cabeça de lista do partido às eleições autárquicas no Funchal , esteve hoje na Estrada Monumental para dar transmitir o descontentamento dos empresários da hotelaria e da restauração, a propósito das obras encetadas pela Câmara Municipal naquela via, em plena época alta e balnear.

Segundo a candidata “é inconcebível fazer-se obras numa das zonas mais concorridas  e procuradas pelos turistas e madeirenses, nesta altura de Verão. O transito está caótico, um autêntico transtorno para os automobilistas e transeuntes. Para não falar dos prejuízos que isso significa para o turismo e para os restaurantes da zona”.

A dirigente do PTP, acusa o edil Paulo Cafôfo de “falta de estratégia e visão para a cidade do Funchal”, ao fazer obras numa das zonas mais emblemáticas da cidade em plena época balnear.

Considera que é um desrespeito às famílias madeirenses que aproveitam os mês de Julho e Agosto para fazer praia na zona do Lido e na Praia Formosa.

No local, Raquel Coelho defendeu que as obras deveriam-se ter realizado muito antes: “Não é quando existe uma grande afluência de turistas e madeirenses à zona que é oportuno fazer repararações na via.​ Isto é um completo desrespeito”, fulminou a candidata.