Maria Ganança é a candidata do BE na Ponta do Sol

Foto DR.

A Candidata do Bloco de Esquerda (BE) à Câmara Municipal da Ponta do Sol volta a ser Maria Ganança, ativista sindical e política e uma das mais importantes e carismáticas figuras do Concelho da Ponta do Sol e da Esquerda madeirense.

Maria Ganança tem 69 anos, muitos deles de militância política e sindical, e participou nas principais lutas pela conquista de direitos das trabalhadoras domiciliárias, sobretudo bordadeiras, profissão que diz “ter muito orgulho” de também ter exercido.
“Maria Ganança é uma das poucas pessoas vivas que participou na denominada Revolta das Águas, ou Luta das Águas, na Lombada da Ponta do Sol. Uma revolucionária, como gosta de se descrever, não hesitou em desafiar a ditadura e a PIDE quando, com apenas 16 anos, fez parte daquelas pessoas que lutaram para que a água de rega roubada aos agricultores da Lombada lhes fosse devolvida”, revela o partido em comunicado.
Esteve também na Luta pelo pagamento justo da cana-de-açucar e fez parte do grupo de pessoas que “tomou conta do engenho do Hinton” tendo conseguido que a cana fosse paga a “5 tostões ao quilo”.
Fez parte da Direcção do Sindicato dos Bordados, do Conselho Regional da União dos Sindicatos da Madeira e do seu departamento feminino. Fez parte de diversas parcerias internacionais tendo dado formação a bordadeiras na Madeira e em Cabo Verde.
Esteve, em representação da sua estrutura sindical, na Índia, na Turquia e noutros países aos quais ajudou a levar o nome do Bordado Madeira.
“Maria Ganança é uma Mulher de muitas Lutas e que não vira a cara aos desafios. Candidata-se a um lugar na vereação da Câmara Municipal da Ponta do Sol por entender que o Povo deste Concelho não está representado dignamente nos órgãos de poder autárquico”, diz o BE.
O Bloco será a voz dos pontassolenses na Câmara  e nos restantes órgãos de poder autárquico: “é a voz dos que, mesmo na adversidade e em tempos de dificuldade, não viram a cara à Luta!”, diz Maria Ganança.