Nivalda quer uma autarquia “virada para as causas sociais”

A candidata do PSD à Câmara Municipal da Ribeira Brava, Nivalda Gonçalves, quer uma autarquia virada para as causas sociais, defendendo mais apoios à terceira idade e às famílias, através do auxílio no pagamento das mensalidades das creches.

Esta é uma medida que visa não só apoiar as famílias de rendimentos médios, mas também incentivar o aumento da taxa de natalidade.

As propostas foram apresentadas ontem na Praceta da Tabua, no âmbito da iniciativa ‘Juntos Vamos Projectar a Ribeira Brava para o Futuro’, onde o debate versou sobre a Área Social, juntando cerca de 80 pessoas entre associações, técnicos e população em geral.

“Pensamos que a Câmara deve ter um papel de coordenação com as instituições que já estão no terreno, nomeadamente numa política social virada para a terceira idade e para as famílias” disse Nivalda Gonçalves, lembrando que um dos problemas que a população mais idosa enfrenta é o isolamento.

“Existem casos de isolamento de alguns idosos que residem sozinhos em casa e por isso é importante estabelecer um acompanhamento mais próximo destas pessoas”, sublinhou a candidata social-democrata, falando também na necessidade da Câmara Municipal da Ribeira Brava apostar em medidas de apoio às famílias.

A candidata à Câmara da Ribeira Brava defende ainda apoios aos bombeiros, à população desempregada, mais habitação social, sem esquecer a articulação entre a autarquia e as várias instituições e técnicos que actuam na área social, com vista a um melhor bem-estar das populações de todas as freguesias do concelho da Ribeira Brava.