Cafôfo abriu Smart Funchal defendendo aposta nas tecnologias “inteligentes” nas cidades

O edil do Funchal, Paulo Cafôfo, realizou ontem a sessão de abertura do Smart Funchal 2017, a conferência internacional que a edilidade organiza e que está a debater, no Teatro Municipal Baltazar Dias, questões relacionadas com o Turismo Sustentável, as Cidades Inteligentes e o Desenvolvimento Local.

No Funchal, reuniu-se um leque amplo de oradores portugueses e estrangeiros.

Paulo Cafôfo considerou, no discurso de abertura, que “esta é uma discussão que terá impacto e que fará a diferença e é por isso que quisemos tanto investir nela, sendo ambiciosos nos temas e dando-lhe um carácter internacional. O Smart Funchal será um dos eventos marcantes do ano na Região.”

O presidente reiterou, de seguida, que “as smart cities e as novas tecnologias são um campo claro onde podemos e queremos progredir, partindo do nosso turismo tradicional, e dos seus alicerces num passado de sucesso, para projectar o futuro e para sermos competitivos para os dias que já aí estão. O objectivo do Funchal é claro: queremos continuar a ser o catalisador do que é o Turismo na Região e distinguir-nos como um das cidades mais interessantes do mundo para se visitar”, salientou.