Jaime Leandro volta a ser líder parlamentar do PS-M

Afinal o irrevogável foi revogável.

O PS-Madeira efetuou hoje uma conferência de imprensa, na Assembleia Legislativa da Madeira, para anunciar que Jaime Leandro volta a ser líder parlamentar de modo a continuar a defender a autonomia da Madeira e do Partido Socialista.

Gil França, presidente da Comissão Regional do PS-M, foi o porta-voz da iniciativa ressalvando que, embora, entendendo os motivos de exoneração de Jaime Leandro, tendo em conta os seus princípios autonómicos e da não-aceitação de interferência de outros a decidir o que compete aos madeirenses e porto-santenses, o presidente do partido, Carlos Pereira, não aceitou o pedido de demissão.

Após uma reunião da Comissão Regional e por sugestão de um ex-líder histórico socialista e, atualmente, presidente honorário do PS-M, Emanuel Jardim Fernandes, a Comissão, por aclamação, expressou a sua solidariedade para com Jaime Leandro pedindo-lhe simultaneamente que reconsiderasse essa sua decisão, corajosa, leal e de defesa, intransigente, dos princípios que devem reger a autonomia da Madeira e do PS-Madeira.