PSP encontra ‘arsenal’ em garagem quando prestava auxílio por causa dos incêndios

apreensão1
Fotos PSP

O Comando Regional da Polícia de Segurança Pública (PSP) da Madeira divulgou hoje em comunicado que, no decurso das operações de socorro e auxílio às populações e na sequência de diligências efetuadas pelo Núcleo de Armas e Explosivos aquando do rescaldo dos incêndios ocorridos na cidade do Funchal, detetou e apreendeu diversas armas e munições que se encontravam depositadas ilicitamente na garagem de uma residência, em virtude das mesmas não estarem registadas nem manifestadas.

Assim, foram apreendidas:
 3 espingardas da classe D;
 2 armas da classe C, sendo uma de calibre .44 e a outra de calibre .22;
 2 armas de fogo obsoletas;
 1 revólver de alarme;
 4 boxers;
 1 arma de fogo dissimulada em forma de caneta;
 3 canos de armas de fogo longas;
 35 Kgs de munições da classe D, de vários calibres e marcas;
 5 Kgs de fulminantes;
 7 Kgs de invólucros de vários calibres;
 132 munições da classe B e B1;
 245 munições de calibre .22

apreensão2O material apreendido permanecia na residência de um cidadão falecido há cerca de 11 anos, e estava armazenado sem as mínimas condições de segurança e de acondicionamento.

O processo decorrerá os trâmites legais estabelecidos.

apreensão3O Comando Regional da PSP da Madeira recomenda a todos os cidadãos que, sempre que tenham conhecimento de situações de posse ou existência ilegal de armas, contactem, no mais curto espaço de tempo e por qualquer via, qualquer Esquadra da PSP a fim de acionar a intervenção policial em tempo útil e em prol de um melhor serviço à comunidade.