Sérgio Marques lamenta morte violenta de emigrante na África do Sul

Sergio Marques

O gabinete do secretário regional dos Assuntos Parlamentares e Europeus, que tutela a pasta das Comunidades, emitiu uma nota de imprensa na qual “lamenta profundamente […] a morte violenta do nosso Conterrâneo Óscar Ciríaco Freitas em Joanesburgo, África do Sul”.

Este acontecimento suscita em Sérgio Marques a seguinte declaração: “É com preocupação que acompanhamos o clima de insegurança que continua a  verificar-se naquele país de forte emigração portuguesa, e madeirense em particular. Neste caso tratou-se de uma morte especialmente violenta,  querendo neste momento exprimir toda a minha solidariedade à família, em particular à mulher deste nosso compatriota que viveu momentos de terror aquando do assalto que vitimou o seu marido.  O Governo Regional mantém particular atenção à África do Sul, como ficou bem patente na visita  efectuada pelo Presidente do Governo Regional no final de 2015. Eu próprio conto assim que seja possível, verificar in loco o sentir da nossa comunidade que é hoje mais envelhecida, logo com outras fragilidades”, refere o governante.

Sérgio Marques aproveita também o momento para revelar que acompanha igualmente com atenção o presente momento na Venezuela.

“Neste momento aguardo da parte do Secretário de Estado das Comunidades o seu relato da visita que efectuou na última semana àquele país, numa lógica de absoluta colaboração e concertação entre as duas Secretarias, Regional e de Estado. De resto a visita deste representante nacional fez-se de modo muito reservado até à reunião com a Ministra da Relações Externas da Venezuela, precisamente por, entre outras, razões de segurança”, explica.

O secretário regional diz contar também a muito breve trecho visitar a comunidade, “neste momento bastante sofrida,  em particular zonas que tradicionalmente não recebem  a presença de representantes de Portugal ou da Madeira.”