Balanço do bombardeamento de hospital em Alepo (Síria) sobe para 50 mortos, dizem Médicos Sem Fronteiras

|AF|