Rede Natura com mais 2 mil hectares

/LC/

Foto:madeira.gov
Foto:madeira.gov

A Madeira poderá vir a ter mais 2.114 hectares na Rede Natura 2000, uma vez que o governo regional identificou novas áreas com potencial de serem incluídas nesta Rede Ecológica Europeia, e que foram dadas a conhecer pela Secretaria Regional do Ambiente e Recursos Naturais.

O processo, já submetido a Bruxelas, teve como principal finalidade garantir a representatividade de espécies e habitats que não se encontravam abrangidos ou que apresentavam uma representatividade insuficiente, contribuindo, indubitavelmente, para aumentar a eficácia e a coerência da Rede Natura 2000 na Região Autónoma da Madeira.

Neste contexto, o governo decidiu criar sete novos Sítios de Importância Comunitária: Paul do Mar-Jardim do Mar, Ribeira Brava, Cabo Girão, Caniço de Baixo, Porto Novo, Machico e Pico do Facho, e redefinir os limites de quatro dos Sítios Classificados da Rede Natura 2000: Laurissilva da Madeira, Ponta de São Lourenço, Moledos-Madalena do Mar e Pináculo.

A Secretária Regional do Ambiente e Recursos Naturais sublinha o papel dos municípios nesta proposta de aumento da área da Rede Natura 2000.

Para Susana Prada, “estas iniciativas refletem a aposta do governo regional na conservação da natureza e biodiversidade, garantindo, deste modo, os compromissos assumidos a nível comunitário”.