Intervenções feitas pelo Governo depois do 20 de Fevereiro

oi000001.jpg

Rui Gonçalves referiu hoje, na Assembleia Regional, as diversas intervenções que o Governo Regional realizou no que se refere aos taludes das estradas regionais, um pouco por toda a ilha.

De acordo com o secretário regional das Finanças e da Administração Pública, o Governo procedeu, no concelho do Funchal, às obras ao longo do Caminho dos Saltos e a consolidação do talude leste sobranceiro à ligação da cota 200 com o Campo da Barca. Já na Ribeira Brava, executou obras de estabilização do talude marginal à Ribeira da Fajã das Éguas, na freguesia da Serra d’Água.

Na freguesia do Curral das Freiras, estabilizou o talude da Seara Velha de Baixo e obras de consolidação no talude das Balseiras.

Ainda em Câmara de Lobos, procedeu à limpeza e saneamento do talude do Parque Empresarial e à estabilização do talude do Garachico.

Na Ponta do Sol, executou o talude no Sítio das Voltinhas, o talude no sítio da Rateira e o talude no Sítio dos Moledos, na Madalena do Mar.

Em São Vicente, fê-lo na estrada regional no Sítio da Falca, freguesia da Boaventura.

Em Santana, executou a estabilização junto à estrada regional 101, nas Quebradas, freguesia do Arco de São Jorge.

E no Porto da Cruz, procedeu à estabilização do talude da Maiata.

Rui Gonçalves sublinhou que estes “são apenas alguns exemplos”, que comprovam o trabalho já feito, “que não pode ser ignorado”.

Referiu ainda que foram feitas “largas dezenas” de intervenções em cursos de água e pontes um pouco por toda a ilha, embora com maior expressão nos concelhos da Serra de Água e do Funchal.

O Programa de Reconstrução da Madeira, asseverou, “tem sido um processo totalmente transparente no que se refere à aplicação dos meios financeiros colocados à nossa disposição”. Em favor desta posição, invocou os relatórios do Tribunal de Contas.