Video-dança ‘Vindinós’ estreia na Escola Jaime Moniz

vindinós

VINDINÓS, a vídeo-dança com direcção e coreografia de Joana Laranjeira, numa co-produção entre o Dançando com a Diferença e a Escola de Dança da Escola de Dança da Fundação Cultural do Estado da Bahia, teve a sua primeira exibição em Julho de 2015 em Salvador (Brasil). No passado dia 23 de Janeiro de 2016 foi exibido no SCREENDANCE MIAMI 2016, nos Estados Unidos da América e terá amanhã dia 2 de fevereiro de 2016 (terça-feira) a sua estreia na Ilha da Madeira, às 15h, na sala de conferências da Escola Secundária Jaime Moniz.

Todo o trabalho de recolha de imagens, desenho e edição de vídeo foi desenvolvido por João Pedro Prioste e Miguel Rodrigues, alunos finalistas do Curso Profissional de Técnico de Multimédia de 2015 da Escola Secundária Jaime Moniz, bem como de Sébastien Freitas, aluno do mesmo curso que colaborou em todo o processo de pré e pós-produção, no âmbito dos seus estágios curriculares no Dançando com a Diferença que também recebeu, na mesma altura a então aluna do curso de dança, Joana Laranjeira.

Em VINDINÓS dançam a própria coreógrafa e também intérprete Joana Laranjeira, além de Joana Caetano e Bárbara Matos, intérpretes gentilmente cedidas pelo Dançando com a Diferença para nesta co-produção.

Para o professor José António Gouveia, coordenador do curso da Escola Secundária Jaime Moniz, “Este trabalho é ilustrativo da importância que o processo de Formação em Contexto de Trabalho tem para os nossos alunos e que o contributo das diversas instituições e empresas para o mesmo é efectivamente significativo”.

Henrique Amoedo, a propósito da importância desta parceria com a Escola Secundária Jaime Moniz e também com a Fundação Cultural do Estado da Bahia, onde estava a concluir o seu curso a intérprete e criadora Joana Laranjeira, refere: “Ter a oportunidade de criar um espaço colaborativo entre uma aluna de um curso profissional, que mesmo sendo portuguesa está a fazer a sua formação em outro país, com alunos que estão aqui, tão próximos de nós, era uma chance de criarmos ricos momentos de troca e aquisição de conhecimentos para todos e a diferentes níveis. É importante termos a oportunidade de colocar os conhecimentos adquiridos em prática e os alunos da Jaime Moniz durante o seu período de estágio conosco puderam conhecer diferentes vertentes de aplicabilidade do vídeo no quotidiano de uma associação como a nossa, que tem como foco a Dança. Foi mesmo enriquecedor para todos nós e muito bom poder comprovar, na prática a qualidade e força de vontade dos alunos envolvidos. Perceber agora que o resultado deste trabalho começa a ser internacionalmente reconhecido, tanto para nós, quanto para os então alunos – e agora profissionais, já que concluíram os seus cursos – motivo de muito orgulho. Começaram muito bem as suas trajectórias, é o que posso dizer!”.