Morreu o compositor e intérprete Luís Filipe Aguiar

luís filipe aguiar2
Fotos Facebook Luís Filipe Aguiar.

Foi uma referência na música madeirense sobretudo na década de 80. Foi um homem da música, da rádio e da televisão.

Luís Filipe Aguiar tinha 63 anos.

Participou em diversos festivais da canção e, nos últimos anos, foi delegado regional da Sociedade Portuguesa de Autores (SPA).

Compositor e intérprete, Luís Filipe foi co-compositor da canção Sempre (há sempre alguém) que Nucha levou à Eurovisão em 1990.

No campo apenas da autoria musical foi compositor das seguintes canções Partir de mim (FC1989) por Marina Mota, Eu sou Maria Rapaz (FC1992) por Nani, Quero muito mais de ti por Cristina Roque (FC1993), Talvez noutro lugar (FC1993), e A minha ilha( FC1996) por Bárbara Reis, entre outras.

Também como o intérprete subiu aos palcos dos festivais em 1985 com o tema Mulher só (mulher giesta) e em 1986 com Tango da meia-noite.

Luís Filipe representou Portugal no Festival OTI da Canção em 1988 com o tema Vivo a vida cantando.