Cinco paróquias celebram festas no próximo domingo com destaque para o Rosário

Festa na Qujinta Grande 13 Set 2015Em cinco paróquias madeirenses vão ser celebradas, no próximo domingo, 11 de outubro,  festas em honra de Nossa Senhora sob diversas invocações.
Na igreja de Nossa Senhora do Monte às 17 horas iniciar-se-á a festa do Patrocínio de Nossa Senhora evocando um acontecimento histórico: no dia 9 de outubro de 1803, a Madeira foi assolada por uma terrível aluvião, a pior catástrofe ambiental conhecida na nossa terra, pelos gravíssimos danos pessoais, materiais e ecológicos causados pelas chuvas torrenciais. Face ao pavor provocado pelas inundações, que se situaram de forma especial entre as cidades do Funchal e de Machico, o nosso povo pediu a intercessão a Nossa Senhora do Monte e encontrou no Coração da Mãe a resposta para a sua dor e imensa desolação.
Como gesto de gratidão e de ação de graças, pelos enormes favores divinos recebidos, o então Bispo do Funchal, D. Luis Rodrigues Vilares, o cabido e os sacerdotes, “de unânime acordo”, fizeram um voto de “celebrar uma festividade muito solene, no dia 9 do mês de Outubro de cada ano, em honra do patrocínio da Virgem Santíssima, Mãe de Deus.
A partir desse momento, a Diocese do Funchal e muito especialmente, a cidade, ficaram confiados à especial protecção de Nossa Senhora do Monte, o que foi confirmado por Rescrito Apostólico do Papa Pio VII, de 21 de Julho de 1804.
Também nesse domingo na capela do Livramento na freguesia da Ponta do Sol, às 16 horas,  vai ser celebrada a festa de Nossa Senhora do Livramento.
Uma das características do arraial é o cortejo das açucenas que são colhidas nas serras do Loreto, no Arco da Calheta, pelos jovens solteiros da paróquia da Ponta do Sol. Decorrerá na quinta-feira 8 de outubro a partir das 12 horas, sendo as flores destinadas à decoração da capela.
No sítio da Referta, freguesia do Porto da Cruz localiza-se um solar e capela que foram construídos entre 1710 e 1713 pelo Capitão Manuel Moniz Teles de Meneses. Em 1770, sofreram obras, ficando esta data gravada no alto da empena da capela.
Inicialmente aquele pequeno templo era conhecido como capela de Nossa Senhora de Belém.
No ano 2000, a capela e o solar foram entregues à Diocese do Funchal, altura em que a Capela passou a ter a evocação de Nossa Senhora do Socorro.
É naquela capela que irá ser celebrada a festa de Nossa Senhora do Socorro. Será no domingo dia 11 de Outubro, iniciando-se a Eucaristia pelas 15 horas.
A  paróquia do Rosário, na freguesia de São Vicente, vai realizar a festa de Nossa Senhora do Rosário que é participada por muitas pessoas sendo considerado «o último dos grandes arraiais madeirenses».
Aquela festa é realizada no festa no primeiro domingo de Outubro, mas este ano foi transferida para o domingo seguinte, dia 11.
Como preparação espiritual para aquela festa estão a ser celebradas novenas e missas antecedidas da recitação do Terço a partir das 19h30.
Haverá arraial com atuações de diversos artistas.
Também no próximo domingo na paróquia de São Martinho vai ter lugar a festa de São Francisco de Assis com procissão com diversos animais, às 17h30 saindo da igreja da Nazaré para a igreja de São Martinho onde será celebrada a missa da festa às 18h30 na qual se inclui a bênção dos animais, pois São Francisco de Assis  é o protetor dos animais.
De 8 a 11 de outubro decorrerá no adro da igreja de São Martinho uma quinta pedagógica, com diversos animais.