PTP denuncia alegado monopólio no Centro de Inspecções da Madeira

PTP coelho
Foto DR.

A coligação Partido Trabalhista Português (PTP), Agir, MAS foi hoje junto do Centro de Inspecções Automóveis da Madeira, no Canto do Muro, denunciar o facto daquele ser o único centro na Região.

Segundo o cabeça de lista da coligação, a Autoridade da Concorrência não actua em defesa da livre iniciativa e do livre comércio.

José Manuel Coelho lamenta que os taxistas sejam, obrigados a ir à ienspecção duas vezes ao ano para dar negócio o Centro.

Uma autêntica “candonga”, um “mega-negócio”, segundo palavras de Coelho.

Segundo PTP o Governo de Jardim não deixou uma empresa concorrente entrar no mercado e, por isso, a Região deverá icnortrer no pagamento de mais de 300 mil euros.

Segundo o PT a concessão viola as leis da União Europeia.

José Manuel Coelho aproveitou para denunciar que a Fundação Social Democrata (FSD) não presta conta quando o Tribunal Constitucional é mais célere em preocupar-se em extinguir partidos por cometer o mesma infracção (não prestar contas).