PS apresenta diploma contra limite de 400€ e reembolso em 60 dias

Ps
Arraial do PS, esta tarde. Foto DR

O PS-Madeira vai apresentar amanhã na Assembleia Legislativa da Madeira uma proposta a submeter à Assembleia da República que visa terminar com o tecto máximo de 400 euros e com os 60 dias de reembolso no subsídios de mobilidade.

 O anúncio foi feito esta tarde no Arraial da Liberdade, na praça Colombo, no centro do Funchal.

Carlos Pereira lembrou que foi um erro o tecto máximo das viagens, o plafonamento das mesmas, bem como a má negociação da continuidade territorial feita pelo PSD-M, que se agachou a Lisboa.

Os madeirenses e porto-santenses não podem ser prejudicados.

Ontem, em São Martinho, o Secretário-geral do PS, António Costa, referiu que as autonomias da Madeira e Açores são iguais, com os mesmo direitos.

“Com a Madeira ninguém brinca” parece ser o novo mote socialista.