Duarte Correia em negociações para comprar hotéis de Luís Camacho

regency cliff 3
Regency Cliff em negociações para ficar com Duarte Correia.

O Funchal Notícias apurou que alguns hotéis do Grupo Camacho poderão transitar para uma nova sociedade, liderada pelo investidor madeirense Duarte Correia e outros sócios. Os Hotéis Regency Cliff, na Estrada Monumental, e Regency Club, na Rua Carvalho Araújo, deverão, até dezembro, mudar para uma nova administração, continuando Luís Camacho ligado a esta sociedade, desta feita como sócio.

O empresário Duarte Correia já adquiriu a Luís Camacho o iate do empresário e, na mesma senda, deverá investir em unidades hoteleiras do Grupo Camacho, como já é comentado o caso do Regency Cliff, na Estrada Monumental.

regency 2
Regency Club leva uma volta a partir de dezembro.

Luís Camacho pretende continuar ligado sobretudo ao Regency Club, com grande valor simbólico para a família, mas dada a situação de insolvência e os encargos com a banca, será uma nova sociedade a pegar no negócio, com a participação ulterior de Camacho.

Tal como o FN já notíciou, o investidor Duarte Correia está ligado à TUI (dos maiores operadores turísticos mundiais) e é titular de empresas de exploração turística na Madeira e Açores. Luís Camacho e Duarte Correia são amigos de longa data e daí esta parceria na alienação dos negócios em crise do Grupo Camacho.

Recorde-se que o Grupo Camacho era um dos grandes investidores madeirenses no ramo da hotelaria e turismo. No entanto, a gestão dos investimentos e a crise económica mundial trouxeram à superfície o elevado passivo do grupo que culminou com o encerramento dos empreendimentos Regency Palace e até mesmo do emblemático Café Golden ou “Esquina do Mundo”.

Preocupante para o Sindicato dos Trabalhadores na Hotelaria é a situação do Hotel Regency Palace, um investimento de maior vulto, já que mais de

Os 100 trabalhadores ficaram sem trabalho. No entanto, fontes sindicais revelam que há a perpetiva de um outro grupo empresarial de renome investir, com vários nomes falados na praça, mas de concreto não há nada. O certo para já é que só a banca tem o imóvel nas mãos, até entrar um investidor certo em cena.

O FN voltou a entrar em contacto com os empresários Duarte Correia e Luís Camacho mas sem sucesso.

duarte e camac ho
Da direita para a esquerda: Duarte Correia, Luís Camacho e amigos.