Barcelona: um exemplo de como se deve preservar o património

 Paulo Matos (texto e fotos)
Barcelona continua a ser uma cidade que deslumbra qualquer visitante. Muitos são os atributos da cidade espanhola. Quem a visita, é testemunha de como os espanhóis são expeditos na preservação do seu património histórico.
A nível da arquitectura, é soberba. Tem um centro histórico muito bem preservado, com predomínio do estilo gótico. A zona da expansão que decorreu após derrubarem as muralhas da cidade antiga.
Carateriza-se por ruas paralelas com influência do modernismo, com especial destaque para o arquitecto Antoni Gaudí nos seus vários célebres trabalhos (sagrada família, casa Batlló, casa Milà – lá Pedrera, Park Güell, entre outras peças de beleza incontestável).

barcelona 2-Catedral de Barcelona
A imponente Catedral de Barcelona. Fotos Paulo Matos.
barcelona 3
Imagem de Barceloneta.

Outras são as atrações. Toda a zona de Montjuic, onde acolhe a Fundação Joan Miró, é outro ponto de relevo. A chegar à Praça de Espanha, os visitantes podem extasiar-se com o museu da Catalunha que é uma obra fantástica, mesmo pelo edifício onde se segue de uma escadaria toda simétrica até à praça de Espanha proporcionando enquadramentos soberbos

 A vida noturna na La Rambla, e área circundantes, é concorrida mesmo em dias de semana, onde tem vários bares e restaurantes. Porém é necessário ter cuidado com carteiristas.
barcaelona -casa milá la predrera
A arte de Gaudí na Casa de Milà en La Pedrera.

Outra zona já não tão central é o bairro Grácia, conhecido por ter uma festa de nove dias.

Além disso, Barcelona ainda conta com praias razoáveis de areia nas águas do mediterrâneo
Para os adeptos do desporto-rei, é importante visitar o estádio do FC Barcelona, que é o maior da Europa em termos de lotação.