Assinalados 54 anos do Serviço Técnico de Educação Especial

O Serviço Técnico de Educação Especial (STEE) celebrou, na manhã desta sexta-feira (11 de novembro), 54 anos de atividade. A cerimónia, que mereceu presença do secretário regional de Educação, Jorge Carvalho, foi assinalada com o descerrar de um monumento evocativo do trabalho que vem sendo realizado na RAM, nesta área da Educação, ao longo das últimas cinco décadas.

Na sua intervenção, o governante citou a letra da música de Mariza, “Melhor de mim”, cantada momentos antes por docentes, discentes e técnicos do STEE.

«Nós procuramos tirar o melhor de cada um, acreditando que podemos efetivamente alcançar algo de melhor e que esse melhor está sempre por chegar.

Cada qual empresta o melhor que tem, com dinâmica, competência e crença no trabalho que é feito, para o melhor das nossas crianças e dos nossos jovens. É nesse empenho, dedicação e trabalho diário em que todos nos envolvemos, particularmente os docentes e técnicos, que torna este Serviço tão especial e o seu papel fundamental para a comunidade em geral, porque esta procura do melhor de cada um desencadeia a superação de todos nós.»

Denominada “50 ao Cubo”, a obra do artista plástico Gonçalo Martins alude, segundo o próprio, a «um paralelismo entre a estrutura e a sua complexidade com o ser humano», sem aplicação de «qualquer distinção entre intervenientes educacionais, mas sim uma união entre forças». «O peso e a volumetria estrutural da obra em aço coabitam nos 50 anos de força de um ensino especial alicerçado entre jovens e profissionais do ensino», completa Gonçalo Martins.

O STEE conta atualmente com 26 alunos (dois parciais), oito professores, sete técnicos superiores e 17 assistentes técnicos de apoio especializado.